Archive for the ‘Acadêmico’ Category

Quer ganhar U$ 500 ?


     Quem estiver afim de faturar 500 doletas, é só achar alguma falha no site da rede oficial Facebook. Essa é uma boa notícia adotada pelo setor de segurança do site. Porém se você encontrar alguma coisa, tome cuidado e não conte a ninguém, porque segundo o site oficial, perde o direito da recompensa que não manter o sigilo da falha de segurança, pelo menos até que a falha seja corrigida. Segundo a direção de segurança do site o internauta que descobrir furos de segurança, não será processado nem denunciado, e o premio pode ser ainda maior dependendo da relevância da informação.

Acredito que medidas como esta, serão adotadas ainda por muitas outras empresas afim de se protegerem desta onda de ataques que esta sendo divulgada pela midia ultimamente.

Abraços, até a próxima.

 

VB.NET VS C#


O .NET trouxe um conceito novo, a facilidade de se utilizar varias linguagens para gerar o mesmo código e
resultado, inclusive referente a tempo de processamento. Face a esse novo momento tem se gerado muitas duvidas em que linguagem utilizar, a posição oficial da documentação reafirma que todas terão o mesmo beneficio, sendo que após compiladas vão gerar o mesmo MSIL (Código intermediário). Ficando ao programador a escolha baseando-se agora na sua experiência anterior.

O VB.NET, criado pela Microsoft é completamente compatível aos padrões do .NET Framework e acessa todas suas classes,  tal como orientação a objeto.

Com o advento do C# cujo propósito é oferecer uma sintaxe similar ao ‘C’ ou Java(Sum) de forma a captar também esse
publico no mercado. Seria um risco muito grande para a Microsoft não aderir uma linguagem similar ao Java para os milhões de programadores do antigo VB que provavelmente iriam migrar naturalmente para nova tecnologia face ao sucesso já conquistado durante anos, da mesma forma estão seguindo muitos programadores de Visual Fox Pro pela similaridade de sintaxe.

Com isso seguidores das ferramentas de desenvolvimento da Microsoft podem escolher o tipo de sintaxe que mais agrada
os programadores.

Segue abaixo exemplo de código de VB.NET x C#.

Criando projeto console no VB.NET

Namespace Console_VB.NET

Public Class Teste

Public Shared Sub Main()

Dim Valor1 As System.String = “Valor1”

Dim Valor2 As System.String = “Valor2”

If Not Valor1.Equals(Valor2) Then

Console.WriteLine(“Console de teste”)

Console.ReadLine()

End If

End Sub

End Class

End
Namespace

 

Criando projeto console
no C#(Sharp)

using System;

namespace console_csharp

{

class Teste

{

public static void Main()

{

String  Valor1 = “Valor1”;

String  Valor2 = “Valor2”;

if (!Valor2.Equals(Valor1))

{

Console.WriteLine(“Console
de teste” );

Console.ReadLine();

}

}

}

}

 

Abraços e até a próxima

 

 

Inteligência Coletiva


Segundo Pierre Lévy, “a inteligência coletiva desenvolve-se à medida que a linguagem evolui”. Através de meios de comunicação e opiniões escritas as ideias puderam se dissipar de forma mais rápida.

             Hamze A. fala que a inteligência coletiva pode ser dividida em 3 partes:

Inteligência Técnica: É exercida através do mundo concreto e dos objetos, como a engenharia.

A inteligência conceitual : É voltada ao conhecimento abstrato e não ocorre sobre a materialidade física, como as artes e a matemática.

A inteligência emocional :  Proporciona a relação entre os seres humanos, confiança e sinceridade que a envolve, e se vincula ao direito, a ética e a moral.
            Com isso  através da colaboração intelectual a criação coletiva de idéias acontece principalmente pela internet. A conexão cada vez mais ativa entre os indivíduos verdadeiramente colabora para ações coletivas. Os Bloggs, WordPress, redes sociais debates de matérias relevantes para a sociedade, encontram o seu apogeu na facilidade de comunicação, através dos meios eletrônicos e da mídia. A Internet traz em si a potencialidade para a conexão do pensamento humano e a cibercultura tem evidenciado a competência que o homem tem de reconstruir sua ideia de mundo, de incluir e interagir com o seu igual em um novo cenário de relacionamentos, buscando um necessário diálogo para a sua vivência.

            Amélia Hamze 2009 acrescenta ainda que o alicerce para a disposição desse novo cenário já está disponibilizado através dos computadores e da Internet. Com desenvolvimento de novos artifícios e novas tecnologias de comunicação à distância cada vez mais, serão expandidos os conhecimentos e as idéias para a integração planetária. Os que têm acesso à Internet estão conectados com a inteligência coletiva.Em um futuro próximo deverá haver a queda das fronteiras nacionais, estará existindo então um governo planetário, uma nova forma de democracia mais participativa. Hoje, o uso que fazemos da memória é completamente diferente, pois a memória, a percepção e o aprendizado são coletivos. Atualmente, as competências adquiridas por um indivíduo no começo de sua trajetória profissional serão obsoletas no fim de sua carreira. Devemos construir novos padrões de ambientes dos conhecimentos, que são emergentes, abertos, contínuos, de maneira reorganizada adaptada aos contextos que cada um ocupa em uma escala individual e evolutiva.
A Inteligência Coletiva é uma inteligência distribuída por toda parte, incessantemente valorizada, coordenada em tempo real, que resulta em uma mobilização efetiva das competências. (Pierre Levy).

Abraços

Inteligência Artificial


        “Não existe uma definição para inteligência artificial (IA), mas várias. Basicamente, IA é fazer com que os computadores pensem como os seres humanos ou que sejam tão inteligentes quanto o homem”, explica Marcelo Módolo, professor de Sistemas de Informação da Universidade Metodista de São Paulo.

Inúmeros conceitos existentes em relação a Inteligência Artificial entornam aspectos científicos, filosóficos ou até mesmo místico. Se de certa forma a ciência, estuda e procura compreender o fenômeno da inteligência, engenheiros, procuram construir instrumentos para apoiar a inteligência humana. A I.A. é inteligência computacional, tenta simular o pensamento humano e os nossos fenomenos cognitivos .

“IA é a parte da ciência da computação que  se preocupa em desenvolver sistemas  computacionais inteligentes, isto é, sistemas  que exibem características, as quais nós associamos com a inteligência no comportamento humano  – por exemplo,  compreensão da linguagem, aprendizado,   raciocínio, resolução de problemas, etc.” Barr & Feigenbaum (1981)

“IA é o estudo de faculdades mentais através do uso de modelos computacionais.” Charniak & McDermott (1987)

“IA é a arte de criar máquinas que  executam funções que requerem  inteligência quando executadas por pessoas .” Kurzweil (1990)

“IA pode ser definida como o ramo da  ciência da computação que se  preocupa com a automação do comportamento inteligente .”

“IA é a coleção de problemas e  metodologias estudadas pelos  pesquisadores de IA.” Luger & Stubblefield (1993)

        O desafio da inteligência artificial é o aperfeiçoamento do modo como os seres humanos pensam, com o objetivo de aprimorar esses pensamentos através de processos computacionais, afim de montar um conjunto de implicações da lógica matemática que simule o comportamento do celebro humano. Com isso a I.A., se torna uma figura impar nos campos das inteligências, tentando montar resultados através de visão computacional.

Allen Newell em 1977, citou que “A I.A. é conhecimento – teoria, dados, avaliação – que descreve os meios para alcançar uma classe de fins desejados.”

Podemos citar quatro ramos fundamentais no estudo da I.A. através da tabela abaixo:

 Ramos fundamentais no estudo de inteligência artificial

Redes neurais Estuda a capacidade dos computadores aprenderem e reconhecerem padrões.
Biologia Molecular É a ciência que procura construir vida artificial.
Robótica Também ligada a biologia porém procura construir máquinas para absorver a vida artificial.
Sociologia A tentativa de apresentar nos computadores os mecanismos de raciocínio e procura.

Abraços